Falta medicamentos na Rede de Saúde de Campo Grande

A população de Campo Grande está enfrentando dificuldades para acessar medicamentos oferecidos pelo Sistema Único de Saúde (SUS), devido à escassez de insumos nas unidades de saúde municipais. Entre os medicamentos em falta estão analgésicos e até insulina. A Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) informou que a escassez de medicamentos é um problema nacional, mas que outro fator agravante é a falta de interesse de fornecedores em participar dos processos de licitação, devido aos baixos valores oferecidos pela tabela da Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos (CMED) como pagamento. É preciso que as autoridades responsáveis tomem medidas para garantir o fornecimento adequado de medicamentos à população, especialmente aqueles que dependem do SUS para cuidados com a saúde.

Generated by Feedzy